Carregando

0%

Foi aprovada recentemente uma nova modalidade do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço, intitulada como FGTS Futuro, onde os trabalhadores poderão usar seu fundo para o financiamento de imóveis.

Essa modalidade do FGTS será destinada exclusivamente para quem optar pelo financiamento habitacional via Minha Casa, Minha Vida (MCMV), principalmente para as famílias de baixa renda que se enquadram na faixa 1 do programa.

Quer saber como vai funcionar essa opção do uso do FGTS? Continue conosco que preparamos um guia exclusivo para responder às principais dúvidas sobre o assunto!

Publicidade
Publicidade

O que é o FGTS Futuro?

O FGTS Futuro é uma modalidade de financiamento habitacional lançada pelo Governo Federal. Essa modalidade permite que os trabalhadores utilizem parte de seus depósitos futuros do Fundo de Garantia para complementar a renda familiar e reduzir o valor das prestações de um financiamento imobiliário.

Como funciona o FGTS Futuro?

Ao aderir ao programa, o trabalhador autoriza que a Caixa Econômica Federal utilize até 8% de seu salário bruto mensal para amortizar o financiamento. Esse valor é descontado diretamente da folha de pagamento e depositado em uma conta vinculada ao contrato de financiamento.

Assim, os depósitos futuros do fundo poderão ser utilizados para amortecer as parcelas do financiamento habitacional MCMV.

Publicidade

Quais são as vantagens do FGTS Futuro?

  • Redução do valor das prestações: o uso do valor pode reduzir significativamente o valor das prestações do financiamento, tornando a compra da casa própria mais acessível
  • Ampliação da capacidade de pagamento: a utilização do valor pode aumentar a capacidade de pagamento do financiamento, permitindo que o trabalhador financie um imóvel de maior valor
  • Taxas de juros mais baixas: os financiamentos com essa modalidade do FGTS podem ter taxas de juros mais baixas do que os financiamentos tradicionais

Quais são as desvantagens?

  • Menor saldo disponível na conta do FGTS: o uso do valor reduz o saldo disponível na conta do Fundo de Garantia, o que pode afetar o valor das indenizações em caso de demissão sem justa causa
  • Risco de inadimplência: o uso do valor aumenta o risco de inadimplência do financiamento, pois o valor das prestações é descontado diretamente da folha de pagamento

Quem pode usar o FGTS Futuro?

Para usar o FGTS Futuro, o trabalhador precisa atender aos seguintes requisitos:

  • Ser correntista da Caixa Econômica Federal
  • Ter saldo positivo na conta do FGTS
  • Ter renda familiar bruta mensal de até R$7.000,00
  • Não ter financiamentos habitacionais em aberto

Lembrando que o valor poderá ser usado para comprar imóveis residenciais novos ou usados, desde que o preço do imóvel não ultrapasse R$1,5 milhão.

A nova modalidade do FGTS é segura?

O FGTS Futuro é uma modalidade de financiamento segura, pois é regulamentada pelo Governo Federal. No entanto, é importante que o trabalhador avalie suas condições financeiras antes de aderir ao programa.

Como solicitar o FGTS Futuro?

Caso tenha interesse, saiba que a solicitação do FGTS Futuro pode ser feita de maneira simples e rápida, seja através do aplicativo Caixa Tem ou nas agências da Caixa Econômica Federal.