Principais dúvidas sobre os planos de previdência privada

28/05/2021
Publicidade

Publicidade

Muitas dúvidas são comuns para quem está começando a pensar sobre investir em um dos planos de previdência privada do mercado e o principal motivo para isso é a pouca informação que temos sobre o assunto, ou seja, falamos muito pouco sobre garantir o futuro de outra maneira que não seja por meio da previdência social, não é mesmo?

Entretanto, desde a nova reforma da previdência, ficou mais complicado para o brasileiro se aposentar e isso tem feito com que a procura pelos planos de aposentadoria privada tenha aumentado, justamente porque estamos percebendo a importância de investir em longo prazo no futuro, seja para ter uma aposentadoria mais tranquila financeiramente ou até mesmo para desfrutar de todos os planos e sonhos que nos privamos em prol do trabalho por tantos anos.

Publicidade

Publicidade

Além disso, saber como fazer previdência privada pode fazer toda a diferença lá na frente, que é quando a nossa renda principal diminui e os gastos aumentam, especialmente com médicos, exames e remédios, infelizmente, pois a idade chega para todos e com ela uma série de problemas de saúde, o que é natural.

Vale a pena pagar uma previdência privada?

Você pode não dar tanta importância para o assunto hoje em dia, mas saiba que o quanto antes começar a pensar sobre isso melhor. O motivo? Bom, de acordo com uma pesquisa da Secretaria da Previdência Social, a idade média de aposentadoria no Brasil é de 58 anos e 67% dos aposentados recebem apenas um salário mínimo.

Você realmente acha que esse valor é o suficiente para ter o mínimo de conforto nessa idade? Provavelmente a sua resposta foi não e por isso, é necessário entender como funciona o plano de previdência privada, visto que quanto mais informação tiver sobre o assunto, mais compreenderá a importância desse tipo de investimento em sua vida.

Publicidade

Publicidade

Para lhe ajudar a esclarecer as principais dúvidas, preparamos este guia completo sobre os planos de previdência privada! Boa leitura!

Qual o valor mínimo para investir na previdência privada?

O investimento mínimo em um plano de previdência complementar varia de acordo com cada instituição. Em geral, é possível iniciar o investimento com uma contribuição a partir de R$100 mensais.

Posso resgatar o dinheiro do meu plano de previdência privada quando quiser?

Sim! Diferente do que muitas pessoas acham, a previdência privada não serve apenas para aposentadoria. Trata-se de uma ótima modalidade de aplicação para quem quer fazer um investimento de médio e longo prazo. Assim, é possível resgatar o dinheiro investido a qualquer momento.

Porém, assim que o cliente contrata o plano, ele tem que aguardar 60 dias para realizar qualquer tipo de resgate ou portabilidade (mudança do plano de uma instituição para outra). Na hora da contratação é importante ficar atento ao regime do Imposto de Renda do plano escolhido, ou seja, se esse é regressivo ou progressivo.

Publicidade

Posso usar a previdência para outras razões sem ser aposentadoria?

Com certeza! Por ser um tipo de investimento, você tem o direito de usar o dinheiro aplicado como bem entender. O foco pode ser o estudo para os filhos, viagens ou realizar algum sonho pessoal seu.

Entretanto, o tipo de regime do IR do plano de previdência privada pode fazer toda a diferença nesses casos. Quando não se tem o objetivo de usar o investimento para garantir a aposentadoria, a tabela progressiva é mais recomendada.

Como sei quanto tenho que investir para ter um valor determinado na aposentadoria?

Para saber o valor das parcelas mensais de sua previdência complementar, você deve pensar em uma conta de trás para frente. Se o investimento na previdência é para realizar algum sonho de curto, médio ou longo prazo é importante saber quanto se quer acumular ao final.

Com isso, é possível realizar algumas simulações para entender exatamente de quanto deverá ser o investimento mensal, pensando no valor final que necessita. Se o objetivo for apenas complementar a renda na aposentadoria, essa conta deve ser feita levando em consideração a quantia mensal que deseja receber por um determinado tempo ao se aposentar.

Publicidade

Se eu parar de aplicar no meu plano de previdência privada, o dinheiro que já investi continua rendendo?

Os planos de previdência privada possuem várias vantagens e um deles é com relação ao rendimento. Como em uma reserva de emergência, caso você pare de investir, a reserva formada até aquele momento continuará rendendo até o resgate do plano.

No entanto, o mais importante é você ter a consciência de que precisa guardar dinheiro para o futuro. Só assim você poderá manter o mesmo padrão de vida e realizar seus sonhos quando se aposentar.

Posso perder o dinheiro que investi em previdência privada?

Não importa qual é o melhor plano de previdência privada, em todos eles a única “perda” de dinheiro que existe é na hora de fazer o resgate do valor investido, pois será preciso pagar o imposto de renda e a taxa de carregamento. Isto se não for possível manter o plano por prazos mais longos, quando, em geral, as chamadas penalidades de saída são zeradas.

No mais, o plano de previdência privada é um dos investimentos de menor risco do mercado. Além disso, você pode optar por planos com fundos em renda fixa, reduzindo ao limite todo e qualquer risco de perda do investimento.

Entretanto, muita atenção! Caso você tenha feito uma reserva no plano VGBL e, durante o período de acumulação, venha a falecer, seus beneficiários devem requerer este valor à seguradora em um prazo de até dez anos.

Portanto, chegamos ao fim do nosso guia com perguntas e respostas sobre os planos de previdência privada! Esperamos ter lhe ajudado a sanar algumas dúvidas sobre o assunto, afinal, com o futuro não se brinca, não é mesmo? Quanto mais informação você tiver sobre o que é e como funciona o plano de previdência privada, melhor!

Posts relacionados

 Utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência, de acordo com a nossa Política de Privacidade, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.

 Utilizamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência, de acordo com a nossa Política de Privacidade, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.